AVALIAÇÃO DA ROTULAGEM DE ÓLEOS VEGETAIS SEGUNDO A LEGISLAÇÃO VIGENTE: ITENS OBRIGATÓRIOS E OPCIONAIS

Daniel Mansur Rabelo, Bárbara Oliveira Henriques, Renata Adriana Labanca

Resumo


Informações nos rótulos são importantes para orientar o consumidor sobre os alimentos. As resoluções RDC 259 de 20/09/2002 (rotulagem dos alimentos embalados) e RDC 360 de 23/12/2003 (rotulagem nutricional), da ANVISA/MS, visam garantir informações básicas ao consumidor. Óleos vegetais são produtos muito consumidos, extraídos da soja, canola, milho, girassol, entre outras fontes e seu consumo tem crescido devido principalmente à substituição da gordura animal e atualmente justifica-se também pelas propriedades funcionais dos ácidos graxos mono e poliinsaturados presentes. O objetivo desse trabalho foi avaliar rotulagens geral e nutricional de óleos vegetais de diferentes origens e marcas, verificando adequação à legislação e parâmetros opcionais considerados importantes. Foram analisados 35 rótulos de 20 marcas diferentes de óleos de canola, girassol, milho e soja, coletados em supermercados da região de Belo Horizonte - MG. Foi possível concluir que a rotulagem obrigatória está sendo respeitada, mas as informações adicionais opcionais apresentaram grande variação, justificando uma maior padronização pelos órgãos responsáveis.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.24864/arepb.v7i1.330

A Barriguda: Revista Científica

Centro Interdisciplinar de Pesquisa em Educação e Direito
Campina Grande - PB - Brasil

contato@abarriguda.org.br

Licencia Creative Commons
Os trabalhos publicados em A Barriguda: Revista Científica estão licenciados com uma Licença Creative Commons